Conheça 8 Características de Colaboradores com Baixa Produtividade no Trabalho

A baixa produtividade no trabalho é um problema que muitas empresas enfrentam.

E acontecem por diversos motivos, que vão desde uma gestão ineficiente ou despreparada que são fatores bastante agravantes, até o excesso de atividades a desempenhar que pode causar certa confusão nos colaboradores por não saber identificar as prioridades ocasionando estresse e falta de motivação.

Uma equipe precisa de um maestro para dirigir e liderar suas atividades de maneira que se atinja um equilíbrio ou uma coerência nos resultados alcançados.

Ter uma equipe coesa não é uma tarefa fácil, pois o líder sempre tem desafios a enfrentar e uma das grandes dificuldades que ele encontra no dia a dia é quando algum dos membros de sua equipe está apresentando baixa produtividade no trabalho.

Antes de tudo é preciso entender que existem uma diversidade de perfis profissionais. Cada pessoa tem suas expectativas individuais e reagem de maneira diferente diante dos  obstáculos e pressão do dia a dia. E nem sempre todos formarão uma equipe de alta performance, sempre haverá conflitos  para administrar e isso faz parte da missão de uma grande líder, que tem em suas mãos a oportunidade de desenvolver habilidades extraordinárias em pessoas comuns.

Mas para se conseguir esta façanha é preciso entender todas as características do pessoal que compõem sua equipe, por isso, listei neste artigo 11 características (que a meu ver são negativas) de alguns perfis de colaboradores que apresentam ou podem apresentar baixa produtividade no trabalho.

Alguns deles são ligados ao ambiente de trabalho e outros são relacionados a caraterística do perfil pessoal, e nestes casos é bom avaliar até que ponto a empresa pode mantê-lo  sem que haja prejuízo para seus resultados.

8 Características de Colaboradores com Baixa Produtividade

baixa produtividade

Falta de Planejamento nas tarefas

Sabe aquele funcionário que você pergunta se já terminou determinada tarefa e ele demora alguns segundos para lhe responder, porque não tem certeza se executou ou ainda irá executar a tal tarefa. Pois bem, isso pode ser um sintoma da falta de planejamento que vem precedida da falta de organização ou excesso de atividades e acontece com muita frequência em muitas empresas por aí.

A tarefa do gestor nestes casos, não se trata apenas de chamar a atenção do funcionário e sim identificar as causas que estão levando a esta situação, ajudando-o a encontrar maneiras para que ele consiga adotar uma rotina de organização de acordo com as prioridades e se planejar com maior eficiência.

Falta de Comprometimento

Embora existam muitos fatores que comprovam a falta de comprometimento, acredito, que seja muito fácil para um líder identificar quando um colaborador está comprometido ou não com seu trabalho e com a empresa, por exemplo, está na hora do almoço e chega um cliente para atender e ele se nega a fazer isso porque não pode interromper seu intervalo, deixando o cliente esperando, até que outro funcionário venha atendê-lo. Ou ainda, demonstra apatia em determinadas tarefas e resultados.

É importante o gestor ficar alerta se isso acontece com frequência, porque mesmo que possa em um primeiro momento não representar um problema, em longo prazo pode se tornar uma bomba e gerar diversos conflitos, inclusive com outros colegas que se sentirão no direito de reclamar por se sentirem agredidos.

A melhor maneira é ter uma boa conversa, na tentativa de sensibilizá-lo diante de suas atitudes, se não solucionar a única alternativa é a demissão.

Faz, mas não sabe o porquê

A falta de comprometimento e curiosidade torna este tipo de perfil um pouco estagnado, limitando a resolver as questões que aprendeu quando iniciou na empresa não demostrando interesse em aprender as razões e saber importância de suas tarefas.

Isso muitas vezes, pode ser ocasionado pela falta de estímulos por parte da empresa a este profissional, que cai na rotina e não enxerga possibilidades de crescimento profissional.

É  importante para empresa ter profissionais bem preparados e motivados e comprometidos com as funções que desempenham, tendo consciência que fazem parte de uma equipe onde todos devem jogar juntos e bem para que os resultados sejam positivos para todos.

Funcionário fofoqueiro

Este é aquele que não sabe ficar de boca fechada quando ouve alguma conversa ou fica sabendo de algum assunto confidencial da empresa ou das pessoas da empresa. Tem sempre a triste atitude de espalhar para alguém com a tendência de ir aumentando um ponto e seriedade do assunto.

Nem sempre as lideranças costumam enxergar este tipo de perfil, pois eles agem discretamente pelo menos na frente de seu gestor. Mas atrapalham e podem gerar conflitos de relacionamentos com os demais colegas da equipe. E como tendem a estar sempre antenados aos acontecimentos a sua volta tendem a ser pouco produtivos em suas tarefas e responsabilidades.

Não saber trabalhar com pressão

Não saber trabalhar com pressão é um fator que compromete muito a produtividade de um colaborador e também a qualidade do trabalho realizado. É preciso os gestores perceber quando um colaborador apresenta esta limitação e tentar ajuda-lo a resolver este tipo de problema. Mas infelizmente, nem sempre situações assim são resolvidas sem que haja o desligamento deste funcionário.

Acesso as redes sociais, e-mails e internet no trabalho

As redes sociais, acesso liberado a e-mails particulares é um grande entrave que afeta a produtividade de um colaborador. No passado algumas empresas costumavam a manter  bloqueada a internet dentro do horário para evitar este tipo de problema, mas hoje com os acessos aos smartphones, não dá para evitar ou proibir que todos usem e seus celulares desligados durante o horário de expediente. 

A questão é que deve existir o bom senso e sempre tem aquele que não consegue fazer isso, comprometendo sua produtividade.

Pausas seguidas para o café 

Um fato que compromete muito a produtividade é quando um funcionário exagera fazendo diversas pausas para tomar um café ou lanche, para fumar e ir ao banheiro, usando de desculpa para passar o tempo mais rápido.

Pessoas que falam muito alto

É muito comum encontrar em equipes aqueles que conversam o tempo e ainda por cima com um tom de voz bastante alto, além de comprometem a qualidade de sua produtividade prejudicam  a concentração de outros colegas e afetando também a qualidade do trabalho deles.

Este é um aspecto que para algumas pessoas mais comprometidas e que gostam de trabalhar em silencio para manter a concentração, causa um pouco de estresse e desmotivação.

Todas as empresas tem suas regras e normas.  É importante a conscientização de todos sobre suas atribuições, e é função dos gestores manterem estas regras e normas respeitadas por todos.

Credito da Imagem: jscreationzs  de FreeDigitalPhotos.net

Pesquisas que levaram a este artigo:

  • baixa produtividade
  • baixa produtividade na empresa
  • o que é baixa produtividade
  • atividade comprometida pela falta do colaborador
  • advertencia por improdutividade
  • resposta em geral apresentam baixa produtividade
  • baixa produtividade o que é?
  • em geral apresenta baixa produtividade
  • falta de performance profissional
  • fatores que ocasionam a baixa produtividade

2 Comentários

  1. Pingback: funcionário perfil empreendedor

  2. Pingback: 3 Dicas Para Fazer Seu Psicológico Funcionar a Seu Favor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *