5 Dicas estratégicas para começar a fazer Ovos de Páscoa e garantir uma renda extra em 2019

Estamos chegando no período de Páscoa, importante celebração, que entre diversos símbolos, destaca-se a ressurreição de Jesus Cristo.

A Páscoa também é uma época de grande movimentação no comércio varejista, principalmente, pela grande procura de chocolates.

Neste ano, o mercado está muito otimista.

Aqui no Rio Grande do Sul, a expectativa é que haja um aumento de 10 % nas vendas em relação a 2018, isso por conta da data acontecer em abril, uma época de clima mais ameno, o que favorece a compra e o consumo de chocolates.

E quem não resiste saborear um bom chocolate no friozinho, hein?

Mas engana-se quem pensa que esta época favorece somente as grandes empresas fabricantes de ovos de páscoa e chocolates. Muitas pessoas aproveitam o evento para garantir uma renda extra, produzindo chocolates artesanais, direto de casa. Uma oportunidade que pode gerar um bom retorno financeiro, e podendo se tornar uma opção de negócio consolidado.

Inclusive, conheço algumas empreendedoras que começaram a vender variedades de chocolates na época da páscoa para complementar sua renda, e acabaram se apaixonando pelo ramo e hoje possuem uma boa clientela, conseguindo estabelecer um negócio sólido.

E se você também tem interesse em ingressar nesse ramo, separei algumas dicas para colocar em prática antes de iniciar a produção, espero que te ajudem e rendam um bom retorno financeiro nesta Páscoa.

5 Dicas para começar a Fazer Ovos de Páscoa e garantir uma renda extra em 2019

# 1 Comece pelo essencial: PLANEJAMENTO

Antes de colocar a mão na massa e começar a produção, organize tudo do que irá precisar para começar a confeccionar os chocolates. Isso inclui desde a receita financeira necessária disponível para fazer o investimento até os tipos de chocolates que irá começar a fazer.

Coloque tudo no papel e veja todos os itens necessários para fabricação e seus custos, isso ajudará a confeccionar o preço de venda depois.

Aproveite e crie uma meta de vendas, que servirá de bússola para orientar no objetivo da mesma.

# 2 Liste os fornecedores principais e pesquise os preços

De posse da listagem de materiais necessários para iniciar a produção, pesquise os fornecedores e compare os preços. Mesmo que seja uma pequena produção, não descuide da qualidade dos itens de fabricação e da matéria-prima principal.

Ainda que disponha de pouco dinheiro, não descuide da qualidade. Escolha o melhor custo-benefício.

# 3 Estude o público consumidor

Mesmo que você tenha uma ideia de quem poderá comprar os seus chocolates, estude as características dessas pessoas.

Trace um perfil, e tente entender como poderá fazer as ações de marketing para convencê-los a comprar seus produtos.

Isso mesmo, é preciso fazer as pessoas comprarem de você, não para somente te ajudar, mas porquê seu produto desperta o desejo de consumo.

E você precisa ter em mente, que sua missão deve ser a de fornecer a melhor experiência possível para o cliente.

Para isso, conhecer bem o perfil de compra dessas pessoas, facilitará a sua divulgação.

# 4 Mensure os custos de produção e classifique os tipos de chocolates para formar o preço de venda

Crie uma planilha e preencha com todos os custos das matérias-primas utilizadas na produção, e outra com a listagem por tipos de produtos que irá comercializar.

Na listagem de produtos, coloque todos os ingredientes de cada tipo de ovo de páscoa.

Na planilha de custos coloque:

  • O preço do quilo do chocolate
  • Formas para fabricação
  • Embalagens (plástico, fitinhas, adesivos, etc)
  • Todos ingredientes utilizados na fabricação, como recheio, por exemplo.
  • Quanto você deseja ganhar (por hora, por dia, por mês)
  • Custos operacionais diretos e indiretos (geladeira, gás, luz, etc)
  • Custo de distribuição: são as formas de como acontecerão as vendas (você vai fazer anúncios pagos, vai bater de porta em porta, vai telefonar, utilizará panfletos, etc).

Para elaborar um preço de venda com precisão, você deve considerar todo o tempo gasto na compra dos materiais, na elaboração dos tipos de produto e todos os custos que por menor que pareçam.

Por exemplo: vamos supor que se você determinou que seu valor por hora é de R$ 20,00, e gastou 2 horas para realizar as compras dos materiais, até este momento, você já tem R$ 40,00 de custos a ser rateados no valor do preço de venda.

Você já deve ter ouvido, “que tempo é dinheiro”, é exatamente isso. Seu preço de venda deve compor também o tempo gasto tanto no deslocamento, quanto a hora de produção.

Agora, vamos supor que você irá confeccionar um ovo de páscoa, sabor flocos de arroz de 500 gramas.

Os ingredientes, serão:

  • 100 gramas de Flocos de arroz
  • 400 gramas de Chocolate ao leite

 

* forminhas, gás, energia elétrica, custos de deslocamento, etc

Acrescentando % de margem de lucro

Explicando os valores

Supondo que o valor de um pacote de 500 gramas de Flocos de arroz seja de R$ 7,05.

E, o valor da barra de chocolate de 1 Kg é de R$ 38,00. Fazendo uma regra de três (levando em conta a quantidade usada), chegaremos nos valores de R$ 3,78 e R$ 15,43, respectivamente, para produzir um ovo de chocolate de 500 gramas.

A mão de obra, foi baseada, levando em consideração o quanto se deseja ganhar por hora (neste exemplo, é de R$ 20,00) em proporção ao tempo gasto na elaboração da receita que é de 15 minutos. Também fiz uma regra de três, chegando ao valor de R$ 5,00.

Os custos diretos e indiretos, fiz como uma estimativa sobre o total dos custos que você vai utilizar, como: gás, energia elétrica, etc.

Se você for acrescentar uma margem de lucro de 20%, chegamos ao valor de R$ 35,35

A planilha acima, é apenas uma simples simulação, levando em consideração que seu trabalho, será apenas com o objetivo de obter uma renda extra. Caso você decida torná-lo sua ocupação principal, será necessário, detalhar mais os cálculos, quantificando com maior exatidão os custos diretos e indiretos.

 # 5 Fazer a divulgação de seu trabalho

Para que as pessoas possam começar encomendar seus produtos, utilize toda a forma de divulgação possível.

  • Converse com o maior número de pessoas em suas redes sociais.
  • Peça para seus amigos lhe indicar para outras pessoas.
  • Anuncie em seus status do Whatsapp, Instagram e Facebook.

Mas acredito que, a melhor maneira de conseguir seus primeiros clientes, sem dúvida, é por meio de seu círculo de amigos mais próximos. Então, aproveite para vender para seus colegas de trabalho, colegas de curso, familiares, vizinhos, etc.

Enfim, use a criatividade para criar suas ações de promoção e divulgação.

E aí, está pronto para começar a fazer seus chocolates e garantir um renda extra nesta Páscoa?

Deixe sua opinião nos cometários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *