5 Dicas Essenciais para Elaborar um Currículo Vencedor

Antes de concorrer a uma oferta de emprego, é necessário investir tempo para avaliar bem a oportunidade pretendida e se você se enquadra ao que empresa espera contratar.

Saber elaborar um currículo é fundamental para a conquista da tão desejada recolocação profissional.

O primeiro passo, é ter em mente o objetivo que você está buscando. Isso facilitará na construção de um currículo campeão, ou seja, aquele que soltará aos olhos dos recrutadores.

Lembre-se que, de nada adianta, ser um profissional comprometido, responsável e eficiente, se você não for capaz de destacar suas qualidades da maneira correta.

Por isso, na hora de candidatar-se a uma vaga, seu currículo precisa apresentar um diferencial em relação aos dos concorrentes.

Quais informações um currículo deve apresentar?

Basicamente, as informações que todo currículo deve apresentar são as mesmas:

  • Informações pessoais: nome completo, número de telefone, e-mail e, endereço do perfil do LinkedIn (se tiver).
  • Objetivo: o ideal é colocar o nome da área de atuação, por exemplo: área comercial, área administrativa, área de produção.
  • Formação: deve informar o nível técnico de formação, se é graduando ou graduado, se concluiu o ensino médio ou se está cursando.
  • Experiências profissionais: normalmente, as empresas mais recentes são colocadas em primeiro, destacando:
    • nome da empresa
    • data de início e fim do contrato de trabalho
    • ramo de atuação
    • resumo das atividades desempenhadas e resultados obtidos
  • Cursos complementares: deve destacar os últimos cursos realizados, principalmente, que sejam relacionados à vaga pretendida. Deve apresentar o nome do curso, nome da instituição, a carga horária e a data de conclusão ou, se ainda está cursando.

Como elaborar um currículo vencedor?

Para elaborar um currículo, é preciso entender claramente, a importância desse documento.

Não se trata, apenas de uma folha de papel contendo alguns dados de contato que você vai sair por aí divulgando, na expectativa de que vai chover empresas te chamando para entrevistas. Infelizmente, não é assim que funciona.

Seu currículo precisa ser atrativo, precisa ser capaz de convencer o recrutador de que você é a pessoa certa que empresa está buscando no momento.

Agora, veja essas 5 dicas para você alcançar seu objetivo

1 – Analise a oferta de emprego antes de enviar seu currículo

Veja se suas habilidades estão de acordo com o que a empresa busca.  Jamais candidate-se a vagas que não tenha certeza de que possui competências ou experiências suficiente para desenvolver.

Por outro lado, não subestime suas experiências e conhecimentos. Se achar que o cargo precisa de uma capacitação específica e você a possui, deixe isso claro no currículo.

2 – Não tenha um modelo único de currículo

O mercado de trabalho vive em constante mudança. Isso também exige dos profissionais uma constante atualização, por isso, é cada vez mais comum, encontrarmos pessoas com experiências muito diversificadas.

Se você se enquadra nesse perfil, tenha em mãos mais de um modelo de curriculum vitae, e envie de acordo com a vaga pretendida.

3 – Organize as informações

Organização e capricho são essenciais na construção de um currículo.

Pois, você está concorrendo com diversos profissionais e tem pouquíssimos segundos para se destacar aos olhos de um recrutador.

Tenha um currículo simples, mas objetivo. Cuide para que a sequência de informações seja apresentada de maneira harmoniosa. Por exemplo: comece o com seus dados pessoais, a seguir, informe seu objetivo profissional, formação acadêmica, para aí sim, destacar as experiências profissionais.

4 – Revise seu documento

Antes de finalizar a construção de seu currículo, faça uma boa revisão. Certifique-se de que as datas, nomenclaturas e demais informações estejam realmente corretas.

Lembre-se seu currículo representa sua fotografia profissional, e é necessário que seja transmitido uma imagem de seriedade, competência e profissionalismo.

5 – Não desanime

Você pode achar que está com um “supercurrículo” pronto e confiar cegamente nas suas qualificações, entretanto, isso não significa, necessariamente, de que terás retorno imediato das empresas.  Às vezes, pode demorar. Por isso, fique tranquilo, e vá analisando sempre o andamento do processo seletivo e não fique frustrado se não for selecionado.

Quando te rejeitarem, busque saber a razão, ou que você não fez para não ser escolhido e utilize como aprendizado para que não se repita na próxima tentativa.

O que você deve evitar colocar no seu currículo?

  • Exagerar nos dados pessoais, por exemplo: não há necessidade de destacar rg, cpf, nome do pai e mãe.
  • Evite colocar foto, a menos que a vaga necessite ou que seja solicitado pela a empresa.
  • No resumo de qualificações, evite descrever diversos adjetivos, por exemplo: “sou uma pessoa extremamente responsável e comprometida e estou em busca de uma oportunidade que me possibilite mais experiência”. Através de seu histórico profissional, o recrutador será capaz de perceber se você é ou não um bom profissional. Empenhe-se em descrever seu histórico profissional de maneira interessante.
  • Jamais minta ou omita informações

Seu currículo deve ser a fotografia exata de suas qualificações, competências e de seu histórico profissional. Cuide para não omitir informações importantes ou mentir com medo de não conseguir a vaga.

Seja honesto sempre, e na hora da entrevista, busque apresentar os fatos negativos, com naturalidade, deixando claro o aprendizado retirado de cada situação.

  • Cuide da formatação e não cometa erros de gramática

Nada é mais frustrante para uma pessoa que está selecionando currículos do que erros de português e formatação inadequada. Geralmente, documentos assim, são descartados quase que instantaneamente.

Um bom currículo deve ser o perfeito reflexo de um excelente profissional. Após concluir o seu, revise cada bloco com muito carinho.

Tenho certeza de que seguindo essas dicas você vai conquistar mais rápido seu objetivo.

Se inscreva no blog para receber as atualizações.

Você pode se interessar também:

7 Dicas para Contratação de um novo Funcionário

Como diminuir o índice de turnover nas empresas

Como se preparar para receber uma promoção em seu emprego

Não aguenta mais o Emprego? Pedir demissão ou fazer algo para ser demitido? Entenda as diferenças

Como Demitir um Funcionário sem Gerar Ressentimentos e Desmotivação na sua Equipe?

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE